Se cuide!

12 de ago de 2015

Eu sei que tem recusado minhas ligações, ignorado minhas mensagens, e-mails e até que tem evitado estar nos lugares que eu frequento. Eu entendo, nós decidimos juntos colocar um ponto final, mas é que pra mim é tão estranho simplesmente não fazer mais parte da sua vida - e nem você fazer parte da minha.

Eu só queria que soubesse que me preocupo com você.

Eu me preocupo toda vez que o relógio marca 17h e eu lembro que é nesse horário que você toma aquele seu remédio pra alergia. Me preocupo quando saio de casa, sinto frio e lembro que você sempre esquecia de se agasalhar. Fico aflita quando penso que você pode estar resfriado e eu não estou aí para fazer aquele chá horroroso que minha mãe ensinou mas que faz você ficar bom rapidinho. Fico receosa quando lembro que você pode estar por aí em algum bar arrumando briga e que qualquer zé-mané pode bater em você - e que eu não vou estar lá pra entrar no meio e pedir pra você se acalmar e parar enquanto te dou vários beijinhos. Confesso que fico pra baixo quando penso que você pode estar sofrendo por ter perdido sua avó que tanto amava. Olha, sempre que é aniversário do seu pai, da sua mãe ou de qualquer familiar seu tenho vontade de te mandar uma mensagem lembrando porque tenho certeza que o cabeça de vento aí vai esquecer. Tem um bocado de coisas que eram suas que ainda fazem parte do meu dia a dia, mas hoje só estou aqui para dizer que olhei pro relógio, era 17h e eu percebi o quanto me preocupo com você.

Se cuide! 
Já que agora não tenho mais como cuidar. 
Mas se cuide direitinho, tá?

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Theme Base por Erica Pires © 2013 | Powered by Blogger | Todos os direitos reservados | Melhor Visualizado no Google Chrome | Topo